Equipamentos: Qual a diferença entre mesa de som (mixer) e placa de áudio (interface) e qual delas você precisa no seu home studio?

Muita gente acaba comprando equipamento errado por não saber exatamente pra que eles servem e as maiores dúvidas que eu recebo são: Qual a diferença entre mesa de som e o que é uma placa de som? Qual delas eu preciso no meu home studio?

Vamos lá, a interface de áudio ou também conhecida como placa de som é o equipamento que você usa para gravar no seu computador, ela normalmente já tem um ou mais pré amplificadores, conversores e já tem alguns recursos que você vai usar durante a sua gravação/produção.

Já as mesas de som, existem vários tipos como: digital, analógica, de rack, com integração com tablet e elas também podem ter diversos tipos de aplicações diferentes, algumas delas até se misturam em termos de aplicação.

Diferenças entre as mesas de som

As mesas de som digitais inicialmente chegaram para facilitar a vida dos engenheiros de áudio para som ao vivo e aos poucos as pessoas foram percebendo que elas poderiam também ser usadas em estúdios.

Antigamente quando os gravadores/interfaces da época não tinham pré amplificadores, que é o que amplifica o sinal do microfone para que o gravador consiga gravar em um nível bom, os engenheiros de áudio usavam os pré amplificadores das mesas de som para gravar na interface, pois sem os prés da mesa o sinal ficaria muito fraco e a gravação não seria possível. Mas como dito anteriormente, as interfaces de hoje já possuem pré amplificadores, então na prática você não precisa de uma mesa de som.

Existem dois tipos de mesa de som (mixer), os que são 100% analógicos, e a grande maioria dos mixers de hoje em dia, que tem pelo menos uma saída USB e uma entrada USB (um par), que seria um LR pra você escutar o som da sua DAW ou o que você gravou ou até mesmo do seu computador e um par de entradas, isso significa que você pode gravar até 2 canais simultaneamente, independente de você ter 12 canais ou mais, essas mesas de som normalmente só tem 2 canais de entrada e de saída digital, o que quer dizer que você só pode gravar 2 canais ao mesmo tempo. Então você pode gravar por exemplo dois instrumentos de uma vez, depois ouvir esses instrumentos e gravar mais duas vozes, ou seja, dá pra você gravar quantos canais quiser, só que de dois em dois, você até poderia gravar uma bateria com 8 peças mas ela iria “mixada” em um Stereo para o gravador pois essa mesa só tem 2 canais de interface com o computador, isso através do cabo USB.

Como eu disse, algumas mesas de som analógicas possuem USB, isso significa que ela tem uma interface embutida, mas você precisa sempre ficar atento na qualidade dessa interface e quantos canais ela tem antes de comprar, algumas marcas não deixam essas informações claras, por isso é bom prestar atenção.

Explicando as placas de som (interfaces)

Quando a gente fala em interface de áudio, hoje em dia ela pode ter 2 canais e 2 pré amplificadores (e em termos de home studio ter 2 canais é mais do que o suficiente), ou podem ter 18 canais e 8 pré amplificadores por exemplo. Leia sempre a descrição da interface no site da marca, assim você vai conseguir entender quantos pré amplificadores, quantos canais digitais e analógicos, quantas saídas e quantos canais digitais e analógicos aquela interface tem de saída e escolher o melhor pra você.

Mas dá pra usar uma interface pro ao vivo? Dá! Porém você não vai ter a agilidade de mixar ou resolver algum problema mais rapidamente.

Preste bastante atenção na hora de comprar a sua, porque existem interfaces que possuem mais canais, porém não possuem pré amplificadores para todos esses canais.

Clique aqui para ver todas as interfaces de áudio que eu recomendo

Explicando os mixers digitais

Pra resolver essa questão do ao vivo, foram criados os mixers digitais, que são interfaces que podem ser usadas ao vivo, tem todo o roteamento, dá pra mixar com ela e você já pode ter acesso a todos os efeitos e ao roteamento dentro dela, os faders se movem e você já pode até salvar as mixagens, além disso dá pra controlar a sua DAW por ela também. É claro que quanto mais recursos e componentes ela tiver, mais cara ela vai ser.

Existe também a Rackmount Mixing, versão da Studio Live da Presonus, que é menor, um pouco mais compacta e mais barata, o que isso significa? Significa que eles colocaram o mínimo de botões possíveis e tudo é controlado por um Ipad ou um aplicativo de computador. Essa pode ser uma opção muito prática pro ao vivo e até para o seu home studio.

E agora, eu preciso de uma mesa de som ou placa de som?

Bom, as mesas digitais são bem parecidas com as interfaces, porém elas são bem mais caras exatamente por terem muitos recursos, inclusive recursos para usar ao vivo. Porém, você não vai precisar desse tipo de recurso no seu home studio, então na maioria das vezes vale mais a pena você ir direto ao ponto e comprar uma interface, principalmente se você é iniciante, pois uma interface é muito mais fácil de usar e de aprender.

Assista ao vídeo completo sobre Mesa de som x Placa de som clicando aqui:

Deixe seu comentário